In The Midnight Hour 🎼

Em 1945 Walter Bailey comprou um hotel no centro de Memphis, que mais tarde, em homenagem a sua esposa Loree e a música “Sweet Lorraine”,  passou a se chamar Lorraine Motel.

Nos anos 60 o Lorraine Motel era um dos poucos hotéis que aceitava hóspedes negros. Próximo a ele estava o estúdio Stax e por esse motivo a presença de artistas como B.B. King, Nat King Cole, Count Basie, Ray Charles, Aretha Franklin, Otis Redding, Wilson Pickett, Eddie Floyd, entre outros, era frequente.

Há registros de que a letra da música In the Midnight Hour”, de Wilson Picket e Steve Cropper, foi escrita em uma estadia deles no Lorraine.

Em 03 de abril de 1968, Martin Luther King Jr. foi a Memphis em apoio à luta dos trabalhadores locais, para seu famoso discurso “I’ve Been to the Mountaintop” no Mason Temple. No dia seguinte, às 06h01, ele foi assassinado na varanda da suite 306, e o Lorraine Motel se tornou o marco zero do movimento dos direitos civis da América. 

Em 1991 foi construído o espetacular Museu Nacional dos Direitos Civis, a partir do Lorraine Motel, que mantém sua arquitetura externa inalterada e a suite 306 intacta, como num aquário, com jornal do dia, café da manhã, cinzeiro, cama desarrumada, enfim, o cenário do momento do crime. O complexo tem 16.000 metros quadrados e inclui a pensão vizinha, de onde veio o tiro fatal.

Depois dessa apresentação, e totalmente envolvida no clima, é extremamente emocionante ver a história se desenrolar, num tour sobre a tragédia e os direitos civis, cronologicamente construído e ilustrado por uma quantidade enorme de imagens e notícias da época. Além de réplicas em tamanho real, como do ônibus de Birmingham e poder sentar-se ao lado de Rosa Parks, enquanto o motorista lhe diz para “ir para os fundos” ou será detida. Caminhões incendiados, lanchonetes com lado reservado para negros e outras tantas cenas chocantes.

Escravidão. Separatismo. Boicotes. Assassinatos. Greves. Poder negro.

A história da revolta que impulsionou os direitos civis nacionais e internacionais.

A história que é passado, presente e sabe-se lá Deus, se algum dia poderá ser só passado.

National Civil Rights Museum at Lorraine Motel é im-per-dí-vel!

I AM A MAN !

Ao completar 50 anos do assassinato de Martin Luther King Jr, a cidade de Memphis está totalmente colorida com grafites de diversos artistas homenageando quem jamais será esquecido.

450 MULBERRY ST.

MEMPHIS

Deixe uma resposta

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: